NUTRIAQUA: NUTRIÇÃO E ALIMENTAÇÃO DE ESPECIES DE INTERESSE PARA A AQUICULTURA BRASILEIRA

R$119,90

Autores: Débora Machado Fracalossi e José Eurico Possebon Cyrino
ISBN: 978-85-60190-03-4
Editora: Aquabio
Ano: 2013
Páginas: 375

37 em estoque

REF: 0001#SEP#0600500519#SEP#U Categorias: , , ,

Descrição

Esta obra representa o esforço conjunto de quarenta profissionais que atuam na nutrição de peixes, tanta na academia como em institutos de pesquisa e indústrias de produção de ração e aditivos, para compilar os avanços recentes na área e, particularmente, as exigências nutricionais e práticas de alimentação de algumas espécies aquícolas criadas no Brasil. O livro inicia com uma perspectivas histórica sobre a aquicultura e nutrição de peixes no Brasil e segue com uma descrição interessante sobre morfologia e fisiologia do sistema digestório, com ênfase especial em espécies brasileiras. O capítulo sobre metodologia em estudos de nutrição de peixes padroniza técnicas e fornece diretrizes para pesquisadores iniciantes e iniciados. Seguem revisões sobre exigências nutricionais e utilização de macro e micro nutrientes em dietas para peixes, incluindo estudos realizados no Brasil e no exterior. bem como sobre fases de desenvolvimento com exigências, como a larvicultura e reprodução. As exigências nutricionais e manejo alimentar do pacu, tambaqui, jundiá, tilápia-do-nilo e beijupirá foram compiladas nos capítulos seguintes por especialistas em nutrição destas espécies, assim como a digestibilidades do nutrientes e energia em ingredientes. Os avanços na nutrição de peixes carnívoros de água doce, com ênfase nas espécies brasileiras, são discutidos no capítulo seguinte. A formulação e boas práticas de fabricação de rações são amplamente discutidas na sequência, incluindo detalhamento sobre processamento de rações e descrição dos principais ingredientes empregados. Por fim, um capítulo sumariza a legislação brasileira que rege a produção de rações e outro reúne a composição centesimal dos principais ingredientes utilizados no processamento de ração para peixes no Brasil. Na compilação das exigências nutricionais das espécies aquícolas criadas no Brasil, com exceção da tilápia, fica evidente a necessidade de direcionar esforços para estabelecer níveis mínimos de proteína e energia, bem como de aminoácidos para as diferentes fases de desenvolvimento. Para as espécies carnívoras, como os surubins e o pirarucu, as lacunas são ainda maiores. Apesar disso, a produção de carnívoros de água doce, principalmente de surubins, cresce a cada ano. A nutrição e alimentação adequada são os pilares da lucratividade e sustentabilidade de um empreendimento aquícola. Á medida que a produção aquícola brasileira aumentar, também aumentará a necessidade de uma maior eficiências na utilização de nutrientes, a qual resultará em menores perdas destes para o ambiente e maior crescimento. Com a iniciativa pioneira desta publicação, objetiva-se contribuir na preparação dos técnicos, pesquisadores e estudantes para enfrentar os grandes desafios da aquicultura, atividade emergente no agronegócio, na qual o Brasil tem atributos de sobra para se tornar um dos maiores produtores mundiais.

Informação adicional

Peso 1.2 kg

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Apenas clientes logados que compraram este produto podem deixar uma avaliação.